A ex-prefeita e atual deputada estadual, Pollyana Dutra (PSB), admitiu pela primeira vez disputar novamente a prefeitura de Pombal, na eleição do próximo ano, para, segundo ela, acabar com o “desmando administrativo que vive hoje o município”.

Até então, a socialista negava que tinha intenção de disputar o pleito, afirmando que preferiria permanecer na Assembleia Legislativa do Estado, porém, não abriria mão de liderar as discussões sobre a sucessão local.

Ao criticar a gestão do atual prefeito Verissinho (MDB), Pollyana indagou qual projeto que é destaque no momento trazido pelo governo local e em qual setor o município se desenvolveu nos últimos dois anos e meio.

“Isso me entristece, pois eu achava o futuro de Pombal ia ser melhor, mas se você pegar [analisar] hoje é um desmando”, disse.

Quando questionada sobre as definições do seu grupo político, ela disse que “se for necessário, até deixar minhas ações na Assembleia para vir para cá e cuidar do meu povo, eu farei”.

Em seguida, a deputada disse que não havia se referido à pretensão de sair candidata, afirmando que tem “planos maiores”.

Em relação ao médico Paulo Fragoso, Pollyana disse que tem conversado diariamente com o ex-candidato e que as decisões do grupo serão tomadas pelo dois, “respeitando a vontade popular”.

FONTE: BLOG DO CLINTON MEDEIROS